O que comprar nos EUA em 2019 – Lista com os melhores produtos

Montando sua lista de compras? Então confira neste post uma lista completa com o que comprar nos EUA em 2019 – com dicas do que ainda vale a pena trazer do país mesmo com o dólar nas alturas. Melhores eletrônicos, itens de beleza, roupas, sapatos, acessórios, coisas para casa, brinquedos, enxoval de bebê, esportes e muito mais!

Descubra o que comprar nos EUA – uma lista com os melhores produtos para comprar durante a sua viagem aos Estados Unidos! Dicas de eletrônicos, beleza, roupas, acessórios e mais!

Normalmente, eu falo nos meus posts que o melhor destino depende muito do seu tipo de viagem e objetivo. Quando se fala de compras, no entanto, não existe espaço para debate – o melhor lugar para fazer compras é nos Estados Unidos. Fora algumas exceções, como artigos de luxo de marcas europeias, por exemplo, tudo é mais barato nos EUA, especialmente se comparado ao Brasil.

Eu não sabia disso na minha primeira viagem, e confesso que voltei dos states com praticamente nada interessante na mala. Nas minhas visitas seguintes, no entanto, já mais velha, pesquisei por dias o que realmente valia a pena comprar por lá, e precisei rezar para todos os santos padroeiros da bagagem para não passar do limite de peso.

Mas a verdade é que, mesmo quase tudo sendo mais barato, ainda é difícil saber o que comprar, até porque sendo bem sincera algumas coisas valem mais a pena do que outras. Um óculos Ray Ban Aviator, por exemplo, custa um pouco menos nos Estados Unidos comparado ao Brasil, e aqui você ainda tem a opção de parcelar. É fácil ver que não vale a pena gastar seus dólares com esse item lá fora. 

E como saber o que realmente vale a pena? Pesquisando! Mas admito que isso pode levar bastante tempo, e talvez você preferia se concentrar no planejamento do resto da viagem. Pensando nisso, reuni aqui nesse post os melhores produtos quando se fala sobre o que comprar nos EUA em 2019. Dei dicas de eletrônicos, produtos de beleza, roupas, acessórios para malhar, coisas para bebê e tudo mais que descobri que compensa trazer na mala.

Se você está com um roteiro apertado e sem tempo para ir nas lojas, ou quer garantir que vai conseguir tudo da sua lista de desejos, minha sugestão é comprar na Amazon americana. A loja tem de tudo e a entrega costuma ser super rápida. Para facilitar, já deixei os links dos produtos! Caso sua hospedagem cobre para receber encomendas, você também pode usar o serviço gratuito do Amazon Locker, que já expliquei como funciona nesse post.

O que comprar nos EUA em 2019 – Lista com os melhores produtos 

Vale lembrar que nos Estados Unidos os produtos não incluem o imposto estadual no preço. Assim, os valores apresentados não são finais, e você ainda precisa acrescentar essa porcentagem para saber quanto vai pagar. Para descobrir o valor, é só digitar no Google “nome do estado + sales tax”.  Mesmo assim, todos os itens aqui listados ainda valem a pena.

Eletrônicos

Começando pela categoria mais popular e onde normalmente se encontra a maior diferença de preço em relação ao Brasil. 

iPhone 

Eu não tenho essa estimativa, mas diria que esse é o item mais comprado pelos brasileiros nos Estados Unidos. E não é à toa, já que o celular continua super popular mesmo depois de 10 anos de seu lançamento, com versões cada vez melhores (e mais caras).

No momento em que escrevo esse post o modelo top de linha é o iPhone XS Max, cujo preço para 64GB é de $1,099.00, em torno de R$4555,68 na cotação atual. Aqui no Brasil, o mesmo aparelho está saindo R$7.999, o que resulta em uma economia de R$3444 comprando lá fora. 

Para os celulares mais simples, como o iPhone XR, o preço começa em US$749 (R$3104,83), contra os R$5.199 das lojas brasileiras. Uma economia de R$2095.

Samsung

Para quem não gosta da maçã, os aparelhos da Samsung também tem um valor melhor lá fora. O melhor modelo atualmente, Galaxy S10+, custa US$999.99 na versão de 128GB, em torno de R$4145,26 hoje. No Brasil, o mesmo celular está saindo por R$ 5.499,00.

Os celulares da Xiaomi e da Huawei ainda não são vendidos oficialmente nos EUA.

Câmeras Mirrorless

Antigamente, quem queria fotos melhores comprava uma câmera da modalidade DSLR. Apesar de terem ótima qualidade, esses modelos eram pesados e carregá-los para todo lado quando você só queria fotos com fundo desfocado ou mais nítidas não valia a pena. Esse problema foi resolvido com a invenção das câmeras mirrorless, que são versões tão poderosas quanto as DSLR porém muito mais leves. 

É o tipo favorito da maioria dos vloggers, turistas frequentes, instagrammers e fotógrafos amadores. Eu uso aqui para o blog e fiquei super satisfeita com o investimento. Os modelos com melhor custo-benefício são os da Sony, como a Alpha a6000 (eu uso o modelo mais antigo, o 5000), US$598 e o os da Fujifilm, como a Fujifilm X-T100. Dependendo da oferta, você economiza mais de R$1500!

Câmeras Profissionais

Entre o que comprar nos EUA, essa provavelmente é uma das categorias onde você mais vai conseguir economizar. A versão profissional mirrorless da Canon, por exemplo, no Brasil custa R$23.999 com o kit de lentes, enquanto nos EUA o kit da EOS R sai por $2,899, em torno de 12017,22. Uma economia de quase 12 mil reais.

Já a EOS 7D Mark II, um clássico da marca, está em torno de US$1025 (R$4248,93) nos Estados Unidos. A economia para o mesmo modelo no Brasil, que está custando R$8999 é de R$4750.

Apple Watch 

Na verdade já quero deixar claro que todos os produtos da Apple compensam mais se comprados nos Estados Unidos, já que os preços praticados no Brasil são absurdos. O Apple Watch não é exceção.

O modelo mais básico do Watch Series 4, que vem apenas com GPS, está custando US$399, ou seja, R$1654. No Brasil, o mesmo relógio está custando R$3999 (o que???), ou seja, comprando um por aqui você consegue comprar DOIS nos EUA e ainda sobra! 

Garmin Forerunner

Agora, se você prefere um relógio mais voltado para exercícios físicos, um Garmin é a opção ideal. O modelo Forerunner é o mais popular da marca, sendo a versão 935 a mais robusta e completa, enquanto a 35 é perfeita para quem quer economizar e só conferir alguns dados essenciais. 

No Brasil o modelo top de linha custa R$3999 no site oficial, enquanto o Forerunner 935 pode ser encontrado na Amazon por US$448, ou em torno de R$1857. Novamente, você consegue comprar dois nos EUA por um preço de um no BR. 

Já o Forerunner 35 está US$99 lá fora, contra R$1599 da loja oficial da Garmin. Esse cálculo é ainda pior, pois você consegue comprar três desses nos Estados Unidos e ainda sobra pelo preço de um por aqui.

Fit Bit

Outro smartwatch mais focado em exercícios. Eu nem encontrei uma venda própria por aqui ainda, mas alguns modelos são vendidos nas Americanas entre R$1300 e R$2000. A versão mais atual, chamada de Versa 2, pode ser encontrada por US$199 nos EUA. Esse relógio conta com a assistente da Amazon Alexa embutida, monitora frequência cardáaca, qualidade do sono, controla a sua música e ainda tem bateria que dura por 5 dias!

iPad

Surpresa, rs. Se você é um usuário assíduo de tablets ou quer começar a usar esse tipo de dispositivo, saiba que comprá-lo nas terras americanas pode te fazer economizar centenas de reais.

O modelo PRO custa em torno de US$999 (R$4.140), enquanto por aqui ele sai por apenas R$8.399. Já o iPad mini custa a partir de US$399 (R$1.654) contra R$3499. Em ambos os casos, no Brasil os Ipads custam mais que o DOBRO que nos EUA.

Macbook

Juro que estão acabando as coisas da Apple. A versão mais simples de um macbook atualmente é o Macbook Air de 13″ 128GB de memória SSD e 8GB de memória RAM. No Brasil esse computador custa R$9.699, mas nos Estados Unidos você consegue encontrar o Macbook Air por US$1099, ou seja, R$4555. Eu tive uma máquina super parecida (mas eram 4GB de RAM) que comprei em 2011 e vendi só esse ano, ainda funcionando e com quase nenhum problema ao longo dos anos. 

Já o Macbook Pro custa a partir de US$1299 na Apple americana, contra R$11999 nas lojas brasileiras. Ou seja, nos dois casos, o valor de um computador no Brasil compra dois nos Estados Unidos.

Lembrando que, em teoria, você precisa declarar qualquer eletrônico que custe mais de US$500 e não esteja dentro da cota pessoal (que consiste em 1 celular e 1 câmera fotográfica). Praticamente ninguém declara na volta para o Brasil, mas existe a chance da alfândega te multar. Caso você declare, você paga 50% do valor que excedeu os US$500 e pode sair e entrar do país com o item livremente depois disso.

Caso você não queira um notebook da Apple, também sugiro dar uma olhada na Amazon por outras marcas. Os valores para modelos da Acer e Lenovo também são bem inferiores que os praticados por aqui.

Caixinhas de Som

A caixinha de som bluetooth é um item que eu comprei pensando que mal ia usar, mas já não vivo sem. Uso para malhar, para escutar música no banho, para escutar podcast na cozinha… tudo! E como os modelos atuais são compactos e leves, dá para levar para a casa dos amigos ou outros ambientes (que não sejam públicos, por favor).

Os modelos mais famosos atualmente são os da JBL, mas na cotação atual é praticamente o mesmo preço nos EUA e no Brasil. Outra marca muito conceituada é a Bose, e foi a minha escolha nas duas caixas de som que tive (a primeira dei para o meu namorado na época, por que meu deus?). O modelo Soundlink Color é o modelo de entrada e custa R$200 a menos lá fora, enquanto o Revolve+ tem uma diferença de quase R$800!

Fones de Ouvido Bluetooth

Para quem gosta dos modelos grandes e sem fio, as melhores escolhas são o Sony WH-1000XM3 e o Bose QuietComfort 35 II, ambos custam R$500 a menos lá fora.

Já para as versões menores, a recomendação é um AirPod caso você tenha um dispositivo da Apple – o preço é caro, US$159 (R$660), mas o valor por aqui é de R$1349! – ou um Sony WF-1000XM3, que ainda não chegou oficialmente no Brasil mas encontrei por R$2560 (contra os R$950 dos EUA).

Nintendo Switch

O Nintendo Switch é a febre atual quando se fala de video-games, o que é muito prático para quem está viajando. Além de ser um console menor e mais leve que os concorrentes (ou seja, perfeito para levar na mala de mão), o preço também é amigo e não passa da cota de eletrônicos imposta pela alfândega. No Brasil o console está saindo por R$1850, enquanto nos EUA um Nintendo Switch custa em média US$299 (R$1240).

Por enquanto, também vale a pena trazer os jogos na mala ao invés de deixar para comprar por aqui. Na Amazon você encontra vários deles, como o FIFA 2019 e o Mario Kart.

Para os outros consoles está compensando mais comprar aqui no Brasil, especialmente se você não fala inglês. Edições especiais ou colecionáveis, no entanto, ainda saem mais baratas lá fora. 

Descubra os melhores eletrônicos para comprar na sua viagem aos Estados Unidos e economize ao máximo! Veja também o que comprar nos EUA (uma lista com os melhores produtos) nesse post!

Para casa

Calma, eu não estou falando de eletrodomésticos ou televisões – esses itens, apesar de bem mais baratos nos Estados Unidos, também são difíceis (ou até impossíveis) de levar na mala. Mesmo assim, você ainda pode aproveitar a viagem para economizar em algumas compras, como por exemplo:

Smart “sticks”

Eu não sei exatamente o nome desses aparelhos, mas eles são pequenos dispositivos que você conecta na TV para que ela vire smart. Os mais populares são o Fire TV Stick da Amazon e o Chromecast do Google. Eu tenho os dois e prefiro o primeiro pois vem com controle remoto, não precisa do celular.

Os dois são vendidos no Brasil, mas os preços são melhores nos EUA. O Fire TV Stick custa US$39, contra R$289 aqui (sendo que lá fora esse valor é pela versão premium, aqui só tem a básica). Já pelo Chromecast você vai pagar US$29, ao invés dos R$229 cobrados em terras nacionais.

iRobot

O famoso aspirador robô, que limpa a sua casa enquanto você faz outras coisas. No Brasil a versão mais famosa é o Housekeeper Pro da Polishop (até existe o mini, mas a bateria dura pouco), que custa em torno de R$1710. Nos Estados Unidos, você consegue o iRobot Roomba 614 por quase R$600 a menos.

NutriBullet

O NutriBullet é como se fosse um mini liquidificador cujo principal objetivo é fazer smoothies. Dizem que as lâminas são ótimas e você consegue bater até mesmo os ingredientes mais chatos que costumam “empacar” os liquidificadores comuns. É vendido no Brasil a partir de R$350, mas nos Estados Unidos você consegue economizar quase R$150 já que por lá custa em torno de US$49 (R$209).

Balança Smart

Já existem balanças que calculam não apenas o seu peso, mas também sua porcentagem de gordura e água, IMC, massa magra e etc. Elas são conhecidas como balanças smart e, por serem a nova moda no Brasil, ainda são bem caras no nosso país. Nos Estados Unidos, no entanto, elas já são mais comuns e os preços já são mais competitivos. 

Minha sugestão é a RENPHO Bluetooth Body Fat Scale, que custa em média US$25 (R$105). É super legal porque ela vem com um app onde as suas medidas são armazenadas, assim você consegue acompanhar seu progresso. 

Descubra o que comprar nos EUA nesse post! Dicas dos melhores produtos para comprar para sua casa na viagem e economizar muito!

Cosméticos e Beleza

Depois da categoria de eletrônicos, produtos de beleza e cosméticos são o que mais vale a pena quando se fala em o que comprar nos EUA. Não só pela economia se comparando com os preços no Brasil, mas também porque por lá é possível encontrar uma quantidade enorme de marcas que não temos por aqui, e muitas delas de excelente qualidade.

The Ordinary

Começando com produtos para pele. A The Ordinary já é vendida em terras brasileiras por Instagrammers que trazem importados, mas ainda não chegou de forma oficial. O ruim é que, como sempre, essas lojas aumentam muito o preço e uma marca que tem como proposta ser acessível acaba saindo super cara.

Nos EUA, no entanto, os valores são bem menores e você consegue montar toda uma rotina de cuidados para pele sem gastar muito. Os produtos tem ótima qualidade, e a maioria vem em frascos de conta-gotas, como remédio homeopático. Os meus favoritos são o Ácido Hialurônico com B5 (super hidratante), o Niacinamide + Zinco (complexo de vitaminas para pele) e o Peeling Solution AHA 30% + BHA 2% (esfoliante químico). Os óleos faciais também são ótimos, e vão desde os mais pesados aos mais leves, para todos os tipos de pele. Uso todo dia e posso dizer sem dúvidas que mudaram a minha pele!

Drunk Elephant

Outra marca de produtos para pele, porém um pouco mais cara. A proposta é usar ingredientes naturais e não-tóxicos, especialmente o Marula Oil, para uma pele mais saudável e com vida. Os produtos mais famosos são o T.L.C. Sukari Babyfacial 25% AHA + 2% BHA Mask (esfoliante químico), T.L.C. Framboos™ Glycolic Resurfacing Night Serum (sérum noturno) e, claro, o Virgin Marula Antioxidant Face Oil (óleo facial).

A marca é super popular atualmente e está fazendo um enorme sucesso lá fora.

Mario Badescu Drying Lotion

A solução número um para se livrar de espinhas. É só mergulhar um cotonete até o fundo da embalagem (a fórmula é bifásica) e depois aplicar diretamente em qualquer espinha visível. Os resultados são surpreendentes e o Drying Lotion é um dos mais vendidos da marca há anos!

FOREO Luna

Pensa em um item que todas as blogueiras brasileiras estão fazendo propaganda mas que custa absurdos por aqui: é a esponja de limpeza da FOREO. Ela funciona usando tecnologia sônica para limpar os poros de maneira profunda, deixando a sua pele realmente limpa. A versão Luna mini 2 custa U$139 (R$577) nos Estados Unidos enquanto no Brasil sai por R$799. Também estão disponíveis opções mais baratas da linha.

Lembrando que aqui no blog já fiz um post com os melhores produtos de beleza para comprar nos Estados Unidos, com dicas de produtos como hidratantes, sabonetes, esfoliantes, protetor solar e muito mais!

Shea Moisture

Passando agora para produtos de cabelo. A Shea Moisture é uma marca que nunca chegou por aqui, o que é uma pena porque os ingredientes são ótimos e o preço mais ainda. São diversas linhas – a maioria bem hidratante e com óleos, já que o público alvo são pessoas com cabelos cacheados – mas quem tem outros tipos de fios também consegue encontrar ótimos produtos.

Sugiro a linha de Manuka Honey & Mafura Oil e o Black Castor Oil Strengthen & Restore Hair Serum.

Olaplex Nº3

A marca também não é muito conhecida pelas brasileiras, mas deveria, especialmente por esse produto. É uma mistura de máscara com creme de tratamento, e serve para fortalecer os fios e reduzir a quebra, com tecnologia inovadora para reverter danos causados por tratamentos químicos, uso de chapinha e secador ou até mesmo danos causados pelo sol ou vento! 

O Olaplex Nº3 um dos mais vendidos da marca e o preço é em torno de US$28.

Moroccanoil

Sim, a marca que era sucesso entre as blogueiras há alguns anos ainda é uma ótima pedida quando se fala em o que comprar nos EUA! Recomendo as máscaras, tanto a de tampa laranja quanto a de tampa marrom, quanto o óleo. Essas primeiras custam em torno de US$35 a US$43 lá fora e por volta dos R$250 aqui (uma economia de quase R$70), enquanto o óleo sai por US$44.

Dyson Supersonic Hair Dryer

Outro item que está bombando nas redes sociais atualmente, esse secador de cabelo promete secar seus fios mais rápido e praticamente sem fazer barulho! O formato é super diferente de um secador tradicional, com intenção de não danificar os fios mesmo com o calor. Aqui no Brasil está custando R$3590 (sim!!!!), enquanto nos Estados Unidos o valor do Supersonic Hair Dryer é de US$399. Mesmo com o preço um pouco elevado, todos os comentários que li diziam que valia a pena!

Aqui no blog também tem um post com os melhores produtos de cabelo para comprar nos Estados Unidos, com dicas de shampoo, condicionador, máscaras, sprays e muito mais!

Maquiagem

Esse provavelmente foi o assunto mais discutido aqui no blog quando se fala em o que comprar nos EUA! Vou indicar os posts aqui embaixo, mas o que você precisa saber é o seguinte:

Não perca tempo comprando as marcas que vendem no Brasil. Sim, Urban Decay, Too Faced, NARS, tudo isso é bem mais barato quando comparado com os preços na Sephora brasileira, mas essas não são nem de longe as melhores marcas que você encontra no país.

Quer investir seu dinheiro em produtos de ótima qualidade? Compre as paletas de sombra da Anastasia Beverly Hills (tem todas na Amazon), os produtos de pele da Hourglass (o Ambient Light Powder é surreal e parece photoshop na vida real), e aproveita para comprar os iluminadores da Becca e da Jouer. Quer se acabar em uma marca? Vai de Fenty Beauty, a linha da Rihanna!

Quer economizar e ainda conseguir bons itens? Vai com as marcas de farmácia ou baratinhas que elas são maravilhosas! Metade dos meus pincéis são da elf, os produtos de pele da linha PhotoFocus da wet n wild são incríveis, e as paletas de sombras (e na verdade, TODOS os produtos) da Colourpop são incríveis e poderiam facilmente custar quatro vezes mais pela qualidade.

Aqui estão alguns posts que você pode gostar caso queira arrasar nas comprinhas de maquiagem:

Descubra os melhores produtos de beleza para comprar na sua viagem! Veja também uma lista com o que comprar nos EUA, dicas dos melhores produtos!

Roupas

De maneira geral, marcas de roupa importadas no Brasil são mais baratas nos Estados Unidos. Se você for viajar para a Europa em algum momento próximo, porém, deixe para comprar as marcas européias por lá – além dos preços serem obviamente mais baratos, você ainda recebe o valor do imposto de volta.

Aqui estão algumas marcas para aproveitar nos EUA:

  • The North Face: perfeita para quem vai enfrentar condições climáticas extremas ou apenas sentir mais frio do que está acostumado. Quer ficar super quente? Sugiro a Thermoball (quase R$600 mais barata em relação ao BR). Para um casaco que sirva para todas as situações, a melhor opção é a Arrowood Triclimate Jacket (economia de R$150).
  • Guess: outra marca popular entre as brasileiras e que sai bem mais barato lá fora. Se for para um dos destinos populares – como Orlando ou Nova York – não deixe de visitar os outlets onde os preços são ainda melhores.
  • GAP: O moletom com o logo GAP são um rito de passagem para qualquer um que vai aos Estados Unidos pela primeira vez. Sem mais. (Mas os jeans e roupas básicas da marca também são ótimos.)
  • Polo Ralph Lauren: Sim, a marca é americana e por isso tem ótimos preços nos EUA. O produto mais popular entre brasileiros são as camisas polo clássicas, que custam em torno de US$59.
  • Calvin Klein: O melhor investimento quando se fala de produtos da marca é em jeans e nas peças de roupa íntima que são edição limitada – as clássicas entram em promoção no Brasil e a economia é muito pouca para valer a pena.

Algumas marcas adolescentes que não vendem no Brasil e que também valem a pena são Hollister e Abercrombie. Para quem tem um estilo mais casual, American Eagle e Aeropostale também são uma boa opção.

Acessórios

Coach

A marca de bolsas voltou a popularidade nos últimos anos, especialmente devido suas colaborações com celebridades. Atualmente o modelo mais famoso é o Cassie (R$1998 no Brasil contra US$350 lá fora, quase R$500 de economia) mas as colaborações com a Selena Gomez também são ótimas escolhas.

Kate Spade

Outro nome de produtos super fofos, e as vitrines são de hipnotizar qualquer mulher que gosta do estilo mais girly. Além das bolsas, vale a pena dar uma olhada também em carteiras, necessaires e relógios.

Mochilas

Outro acessório no topo da lista de o que comprar nos EUA são as mochilas. Para usar no dia a dia, a sugestão é a famosa JanSport, que custa a partir de US$20 (R$83) no exterior e mais ou menos R$169 por aqui. 

Caso queira uma mochila para viajar, a recomendação é apostar em marcas como Osprey e Deuter. Da primeira, recomendo a Fairview 40L, que é o mochilão que uso na maioria das minhas viagens e tem resenha já aqui no blog. No Brasil ela custa R$1200, mas o valor original é de US$159 – o que faz você poupar em torno de R$550.

O que não vale a pena quando se fala em acessórios? Óculos de sol de marca – convertendo é quase o mesmo preço que no Brasil, o mesmo ocorre com tênis da Vans e as botas da Timberland.

Lembrando que marcas de luxo, como Louis Vuitton, Gucci, Chanel e etc., são mais baratas do que em terras brasileiras, porém mais caras quando se compara o preço com a Europa. 

Descubra o que comprar nos EUA nesse post! Dicas de melhores eletrônicos, roupas, acessórios, beleza e mais!

Esportes

Essa para mim é a categoria mais difícil, pois a resposta da pergunta “vale a pena” varia muito entre marcas e peças.

Como regra geral, tênis de malhar ou correr é mais barato nos Estados Unidos, especialmente se você não quiser um modelo mais novo e comprar nos outlets. Dá para encontrar Nike, Adidas e até Asics por menos de US$100 e às vezes até menos de US$50!

Nos modelos atuais, no entanto, um GEL-Quantum Infinity da ASICS, por exemplo, é quase R$200 mais barato lá fora, porém outros calçados mais baratos estão custando praticamente o mesmo por aqui na cotação atual. O mesmo acontece com a Nike, onde um Air Zoom Pegasus 36 sai por R$100 a menos nos EUA, porém tênis mais básicos custam quase a mesma coisa nos dois países.

De resto, roupas de malhar só achei bons valores em lojas como TJMaxx ou ROSS, que são a ponta da ponta do estoque. Leggins da Nike e Adidas, por exemplo, já encontrei mais baratas no Brasil quando comparado ao preço das lojas americanas.

Honestamente de malhar eu recomendo ir nos outlets, entrar nas lojas de marcas e procurar pelas promoções. Eu sempre levo tênis (dou um google nos modelos que estão disponíveis para ver quais são bons) e, às vezes, uma ou outra peça que está com desconto no dia.

Vitaminas e Suplementos

Agora sim, se tem uma categoria que eu posso dizer de olhos fechados que é mais barata sempre sem me preocupar com a cotação são vitaminas e suplementos. Alguns exemplos:

  • Centrum: Um Centrum mulher com 200 comprimidos custa US$17 (R$70), enquanto no Brasil esse valor não paga nem por 30!
  • Vitamina D: US$5,70 (R$24) por 100 cápsulas de 1000ui, enquanto por aqui um Addera com 30 cápsulas custas R$40.
  • Cranberry: 200 cápsulas saem por US$22 (R$90), enquanto aqui no Mercado Livre você paga o mesmo valor por metade do conteúdo.
  • Melatonina: US$7,65 (R$31) por 150 tabletes, contra R$120 no mercado livre por 100 tabletes.
  • Whey Protein: O whey da Optimum Nutrition custa US$29 (R$120) por 2LBS, enquanto aqui na Netshoes o mesmo está R$179. A economia é ainda maior para embalagens maiores, com a de 5LBS custando US$59 (R$245) lá fora e até R$499 por aqui.
  • Creatina: Aqui a diferença de preço é ainda mais gritante. No Brasil, enquanto você paga R$85,90 por 150g, nos Estados Unidos você encontra a Creatina da Optimum Nutrition por R$25, na mesma quantidade.
Descubra os melhores produtos de saúde para comprar nos Estados Unidos! Dicas de equipamentos esportivos, vitaminas e uma lista completa com o que comprar nos EUA!

Brinquedos

Não podia deixar as crianças de fora, né? Na lista de o que comprar nos EUA, estão alguns brinquedos que são muito populares no Brasil mas que custam bem mais barato lá fora!

LOL

Eu não fazia ideia do que era uma LOL (afinal, não sou o público alvo), até ver pais perguntando sobre em todos os grupos de viagem que participo. Caso você não conheça, são mini bonecas e a graça está em não saber qual boneca você está comprando, a surpresa faz parte da brincadeira.

No Brasil os preços variam entre R$149 e R$399 de acordo com o “número de surpresas”, que inclui desde a boneca até roupas e acessórios. Nos Estados Unidos, porém, os preços são bem mais amigáveis, começando em apenas US$10 pelas versões menores das bonecas LOL.

Blume Dolls

Segue a mesma fórmula das bonecas LOL, porém você na verdade compra um vaso de planta, rega ele e quando ele “florescer” você vai descobrir qual boneca está dentro. Tem as versões raras e super raras, ou seja, é para fazer coleção mesmo!

A novidade ainda não chegou no Brasil (na verdade é uma aposta para o Natal de 2019), mas tudo indica que as Blume Dolls serão bem populares. Nos EUA você encontra por US$10.

Baby Alive

Uma das bonecas mais famosas do universo infantil, já que simulam várias atividades reais como comer e chorar. Existem várias versões, com todo tipo de aparência e reação, desde aquelas que comem papinha e usam as fraldas até aquelas que emitem os primeiros sons de um bebê.

No Brasil cada uma custa entre R$119 e R$299 (depende do modelo), mas lá fora é possível adquirir uma Baby Alive a partir de US$16. Aproveite a viagem para adquirir também os acessórios Baby Alive de forma mais barata.

Hatchimals

Eu diria que é a versão animal das bonecas LOL, já que o princípio é comprar os ovos e descobrir quais animais estão dentro. Por aqui você consegue comprar cada ovo individualmente por R$10, então se for pra comprar só um lá fora não vale a pena.

Agora, como eles são bem pequenos, não recomendo comprar apenas um. Nos EUA você encontra diversos kits dos Hatchimals com 12 animais por US$15, e ainda consegue comprar os acessórios especiais como o Castelo Coral ou o set Festa Tropical por um preço bem abaixo do que praticado nas terras brasileiras.

LEGO

Um brinquedo que serve até para as crianças adultas, rs. Os sets variados que a gente consegue encontrar por aqui não compensam quando se fala em economia, mas as versões especiais são muito mais baratas, além de ser super divertido ir em uma loja da própria LEGO e ver esculturas feitas com as peças.

Recomendo os sets do Castelo de Hogwarts para quem gosta de Harry Potter ou a Millennium Falcon para quem for fã da série Star Wars. Mas realmente vale a pena dar uma olhada por lá já que existem inúmeros sets legais.

Baby Shark

O meu entendimento é que Baby Shark é o novo Galinha Pintadinha, e se seus filhos forem fã do personagem pode ter certeza de que nos EUA o que você mais vai encontrar é produtos do personagem. Tem os fingerlings, que tocam música, versões do tubarão de pelúcia, livro com sons, teclado musical, roupas e o que mais você conseguir imaginar.

Treasure X Aliens Dissection Kit

Esse é um brinquedo que reúne várias tendências, já que conta com Slime, é super interativo e ainda colecionável. Ele é um kit de dissecação de um alienígena, e o objetivo é que as crianças resgatem um explorador que ficou preso dentro da barriga do alien.

Ainda não vende no Brasil, mas nos EUA o Alien Dissection Kit custa US$14 por cada alienígena e são 18 exploradores colecionáveis.

Slime Kit

Se seus filhos ou sobrinhos gostam de Slime, então você já encontrou o presente perfeito. Além de vários slimes diferentes, como esse com a temática ‘galáxia’, você também encontra kits enormes para que eles possam “fabricar” seu próprio slime (não se preocupe, não é nada químico, são slimes de várias cores e vários enfeites para colocar dentro).

Comparei com os kits no Brasil e na nossa terra eles são bem mais caros e possuem bem menos opções de enfeites. 

Air Hogs Zero Gravity Laser Race Car

Por último, para quem gosta de carrinhos, esse é com certeza o sonho de muitos adultos: um carrinho que desafia a gravidade e consegue subir em paredes e até mesmo andar no teto! A marca até já é vendida por aqui, mas a versão Zero Gravity Laser Race Car só está disponível lá fora.

Dicas dos melhores brinquedos para comprar na sua viagem e arrasar com o presente das crianças! Veja nesse post uma lista completa com o que comprar nos Estados Unidos!

Enxoval de bebê

Por último, uma categoria que vale muito a pena comprar nos Estados Unidos. Não é à toa que várias blogueiras famosas – e pessoas que não estão na mídia também, claro – fazem uma viagem para o exterior apenas para fazer o enxoval do bebê. Os preços são bem mais baratos lá fora, além de existir uma variedade maior de opções.

Carrinho de bebê – Baby Jogger City Mini GT2 Stroller

Começando por um dos carrinhos mais vendidos e com a maior quantidade de elogios na categoria. É super fácil de dobrar e guardar, leve, as rodas servem para qualquer tipo de terreno, dá para adicionar acessórios e ainda tem um freio que você pode controlar na barra de mão, super fácil de usar. 

A marca não vende oficialmente no Brasil, mas você encontra no Mercado Livre sob encomenda por R$4.490, contra os US$399 (R$1670) do Baby Jogger City Mini GT2 nos Estados Unidos.

Carrinho econômico – Graco Modes ClickConnect Stroller

Caso queira um carrinho um pouco mais econômico mas de ainda ótima qualidade, a sugestão é apostar nesse Graco. Tem uma bandeja com porta-copos e lanchinhos para a criança, bastante espaço para colocar uma bolsa de fraldas, conecta com outros produtos da marca, o assento é reclinável e ainda dá para escolher se quer colocar seu bebê virado para você ou para fora.

Um usado sai no Mercado Livre em torno de R$1000, mas nos EUA você encontra um Graco Modes ClickConnect por US$180 (R$750).

Cadeirinha para o carro – Graco 4Ever 4-in-1 Car Seat

Passando para cadeirinhas para o carro. Essa opção da Graco é ideal pois consegue acompanhar o crescimento da criança, podendo ser usado desde quando o bebê é bem pequeno, com a cadeira voltada para a parte de trás do carro, até quando ela já cresceu e pode usar a mesma voltada para frente. Além disso ela também conecta com o cinto de segurança do carro e pode ser usada como booster.

No Brasil os preços por esses modelos que duram muito tempo da Graco aparecem no Mercado Livre a partir de R$2500 e podem chegar a até R$12000! Lá fora, um 4Ever 4-in-1 Car Seat sai por US$269 (R$1125).

Monitor de Bebê – Infant Optics DXR-8 Video Baby Monitor

Vencedor de diversos prêmios na categoria, esse monitor é ideal para quem quer dar uma boa olhada nas crianças, já que permite movimentos como zoom e tilt. É super leve, então você pode levar para vários cômodos sem se preocupar, e a conexão é FHSS, ou seja, é segura e não passa pela internet. 

Em terras brasileiras, esses tipos de monitores (ou babá eletrônicas) custam em torno de R$1000, R$1400 no caso desse modelo específico. Caso aproveite para comprar na sua viagem, o preço de um Infant Optics DXR-8 é em torno de US$170 (R$710).

Canguru – LILLEbaby SIX-Position

A maioria dos cangurus vendidos no mercado brasileiro permitem 3 ou até mesmo 5 posições. Essa versão da LILLEbaby, no entanto, permite que o adulto carregue a o bebê de até 6 maneiras diferentes, além de ser super ergonômico e ter suporte lombar. Devido a seu material, também pode ser usado em qualquer estação.

Esterilizador de Mamadeira – Dr. Brown’s Electric Steam Sterilizer

Aqui o mais comum é encontrar esterilizadores de microondas. Caso você queira uma versão elétrica que faça todo o trabalho sozinha, é fácil encontrar quando estiver no exterior. Uma das mais recomendadas é a Dr. Brown’s Electric Steam Sterilizer, que além de ter lugar para mamadeiras (mesmo as maiores), também tem um espaço de dedicado bicos e até mesmo chupetas!

Hatch Baby Rest Sound Machine

Esse é um aparelho que eu descobri sem querer nos stories de uma blogueira que sigo, mas depois de dar uma olhada nas reviews nas redes sociais e em lojas é fácil ver que é um fenômeno lá fora. Essa máquina é uma combinação de luz noturna (a qual você pode escolher a cor) e sons reconfortantes, e serve para ajudar bebês e até mesmo crianças maiores a dormir melhor.

Você programa tudo – cor, horários, sons, etc. através do app e assim consegue criar uma rotina. A maioria das milhares de reviews são positivas, e inúmeros pais afirmam que o Hatch Baby Rest realmente faz diferença de noite ou mesmo na hora da soneca.

Cadeira de Descanso – Fisher-Price Infant-to-Toddler Rocker

Por último, o item mais barato da lista – a cadeira de descanso da Fisher-Price. Ela serve até para crianças maiores (até 18kg) e, além de reclinar, também possui duas velocidades de vibrações para embalar o sono. A parte de tecido pode ser lavada na máquina em caso de acidentes, e a barra com brinquedos pode ser removida. Uma barganha quando se compara o preço com as funcionalidades!

Descubra o que comprar nos EUA quando for fazer enxoval de bebê! Dicas de carrinhos, cadeirinhas e mais!

Ufa, é isso! Uma lista completa com o que comprar nos EUA, com dicas dos melhores produtos em diversas categorias! Como você pode ver, é possível economizar bastante quando se fala de comprinhas na viagem, rs.

Acha que faltou algum item nessa lista? Deixa nos comentários!

Gostou desse post? Salve no Pinterest para ler depois!

Descubra o que comprar nos EUA nesse post! Lista completa com os melhores produtos de diversas categorias, como eletrônicos, beleza, roupas, acessórios, esportes, enxoval de bebê e mais! #compras #EUA #estadosunidos #viagem #americadonorte #comprasnosEUA

Os links para a Amazon são afiliados.

Deixe uma resposta

Fechar Menu