Musical Wicked na Broadway – O que fazer em Nova York

Leia mais sobre o musical Wicked na Broadway, campeão de bilheteria e sucesso há 15 anos!
Wicked on Broadway (Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

Eu tenho amigos que são fanáticos por musicais da Broadway.

Confesso que eu não entendo muito do assunto e, como já mencionei em outros posts, não dei a devida atenção aos detalhes quando fui assistir a um espetáculo nos palcos mais famosos do mundo.

Com a possibilidade de fazer uma visita a Nova York esse ano, no entanto, aproveitei para pesquisar mais sobre os shows e suas histórias, para escolher uma produção que me cativasse em vez da mais barata.

Um musical que despertou muito a minha curiosidade foi o Wicked. Não sei se é o poster chamativo com aquela moça em verde, o tempo em cartaz – o espetáculo é apresentado desde 2003, ou os comentários da mídia internacional. A revista Variety chama o mesmo de “fenômeno cultural“, enquanto a Times Magazine afirma que “Se cada musical tivesse a inteligência, um coração e a coragem de Wicked, a Broadway seria realmente um lugar mágico.

Com elogios como esse, não tem como não querer assistir a uma das apresentações. Os detalhes que eu descobri sobre o show reforçam ainda mais sua qualidade, e o porquê dele ser um sucesso absoluto de bilheteria nos últimos anos.

Musical Wicked na Broadway

Leia mais sobre o famoso musical Wicked na Broadway, em Nova York! Sucesso de bilheteria, esse show encanta o público há 15 anos!
Wicked on Broadway (Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

Diferente dos shows do Rei Leão e Aladdin, os quais eu já escrevi posts sobre, o Wicked: A História não contada das bruxas de Oz (The Untold Story of the Witches of Oz) não é baseado em um filme da Disney, e sim uma adaptação do romance escrito em 1995 por Gregory Maguire.

O escritor se baseou no clássico O Maravilhoso Mágico de Oz, criado por L. Frank Baum, para imaginar como seria a história da Terra de Oz através da perspectiva das bruxas que lá viviam. O enredo começa antes da famosa história da Dorothy, e termina depois de sua partida.

A história é focada na Bruxa Malvada do Oeste, chamada de Elphaba e em sua amizade com Glinda, a Bruxa Boa do Norte.

Nascida com a pele no tom de esmeralda, a primeira sempre foi hostilizada pelos moradores da cidade por ser diferente. Ao entrar para a universidade, ela desafia todos os conceitos sociais, ignora os motivos para rivalidade, e constrói uma grande amizade com Gilda. Muito popular e querida por todos, sua nova amiga faz com que as pessoas comecem a enxergar Elphaba além de sua aparência, e elas começam a perceber que a jovem é inteligente e dotada de grandes poderes.

No decorrer da história, no entanto, elas conhecem o Mágico de Oz e precisam tomar uma decisão que muda o rumo de suas vidas. Enquanto Glinda escolhe a popularidade dentro da Terra de Oz e ganha a fama de “Bruxa Boa”, Elphaba permanece fiel a seus princípios, sendo rotulada como “Bruxa Malvada” por fazer oposição ao atual governo.

Wicked nos mostra que todas as histórias possuem dois lados, e que primeiras impressões podem ser enganosas. Ao ser rotulada como Bruxa Malvada do Oeste ao longo da trama, a história de Elphaba faz o público refletir sobre o que é ser bom ou mau, e sobre o fato de que mesmo com boas intenções é possível ser o vilão da história, dependendo de como ela é contada.

Veja mais sobre o musical Wicked na Broadway, sucesso de bilheteria e que encanta o público há 15 anos!
Wicked on Broadway (Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

Em cartaz há aproximadamente 15 anos no Gershwin Theatre, a produção original de Wicked na Broadway contava com Idina Menzel (sim, a famosa Elsa e intérprete de Let it Go do filme Frozen) e Kristin Chenoweth nos papéis principais. Atualmente as bruxas são interpretadas por Jackie Burns e Amanda Jane Cooper, cujas performances trazem mágica para os palcos.

Com uma turnê americana e adaptações em cidades como Tokyo, Londres, Sydney e até São Paulo, o espetáculo vem quebrando recordes desde a sua estréia em 2003. Esse foi o único musical da Broadway até hoje que arrecadou mais de 3 milhões de dólares em uma semana, e isso depois de celebrar seu aniversário de 10 anos de apresentações!

Prêmios também não estão faltando para o show, que ganhou mais de 30 títulos e foi indicado mais de 60 vezes desde que tomou os palcos. A própria Idina Menzel já ganhou o título de Melhor Atriz em Musical, e a trilha sonora gravada pelo elenco original em 2005 também levou o Grammy de Melhor Álbum de Show Musical.

Falando em música, lembrei outro detalhe que me deixou curiosa sobre o Wicked: a balada  Defying Gravity. Definida como um dos momentos mais marcantes da Broadway, essa canção é um marco no espetáculo, e foi até interpretada na primeira temporada de Glee.

Não sabe o que fazer em Nova York? Que tal assistir ao musical Wicked na Broadway? Campeão de bilheteria há 15 anos, ele com certeza vai te encantar! Leia mais no post!
Wicked on Broadway (Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

O que você precisa saber para assistir Wicked na Broadway

Como comprar

Assistir Wicked na Broadway não é das atrações mais baratas. Eu já cometi o erro, no entanto, de escolher um show apenas porque consegui o ingresso mais barato, e fiquei decepcionada com a qualidade. Esse é um daqueles casos em que vale a pena investir um pouco mais para ter uma ótima experiência, do que sentir que você desperdiçou dinheiro.

Por ser um espetáculo de muito sucesso, os ingressos se esgotam com facilidade. O recomendo é comprar com 3 ou 4 semanas de antecedência, ou até dois meses antes se sua viagem for em alta temporada como julho ou dezembro.

Com a WePlann você consegue comprar o seu ingresso antes mesmo de sair do Brasil e pagar em reais, sem IOF e em até 6x sem juros ou por boleto bancário. Você recebe o seu e-ticket assim que a compra for finalizada, e no dia é só apresentá-lo na bilheteria até 45 minutos antes do início do show, junto com um documento de identidade com foto.

Além de comprar com segurança e sem pagar taxas, o sistema da empresa ainda escolhe os melhores lugares disponíveis dentro da seção que você escolheu, fazendo com que você não tenha que se preocupar na hora de escolher seus assentos!

Idioma

Caso você tenha dificuldades com o inglês, é possível alugar um Audien™ Translation System (aparelho de tradução) por US$10. Eles estão disponíveis no segundo piso do teatro, e oferecem uma sinópse em tempo real do show em japonês, alemão, português, espanhol, francês, mandarim and coreano.

Não é uma tradução literal das falas, mas já vai te ajudar a entender o show!

Como chegar

O Gershwin Theatre fica pertinho da Times Square, no número 222 da West 51st street. A estação de metrô mais perto é a 50 Street Subway Station, por onde passam as linhas C e E. A estação 50 St. com as linhas 1 e 2 também é próxima, assim como a 7 Av. onde passam as linhas B, D e E.

Por ser no coração da cidade, perto de umas das ruas mais famosas do mundo, uma ótima idéia é fazer um um roteiro pela região antes do espetáculo. Você pode aproveitar para fazer algumas compras na Quinta Avenida, visitar a loja gigante da M&M’s ou até visitar o Rockefeller Center.

Leia tudo sobre o famoso musical Wicked na Broadway em Nova York! Descubra porque esse espetáculo é campeão de vendas e vem batendo recordes de bilheterias há quase 15 anos!
Wicked on Broadway (Foto: WePlann | CC BY-SA 2.0)

E você, também ficou com vontade de assistir ao musical Wicked na Broadway? Já viu? Me conta nos comentários!

Esse post contém links afiliados e foi patrocinado pela WePlann.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Receba grátis
DICAS E OFERTAS DE VIAGEM
Além de um PDF com 20+ recursos para ajudar a planejar sua próxima viagem!
EU QUERO!
close-link