Seguro Viagem: Dicas para ajudar você a escolher o ideal!

Vai viajar e não sabe qual seguro escolher? Então clique no link e confira esse post para descobrir dicas e experiências reais sobre seguro viagem!

Preciso confessar que quando eu fui para Paris eu estava bem nervosa. Eu odeio não saber falar a língua do país, ainda mais em um lugar que dizem que as pessoas se esforçam para não falar inglês.

Junte essa ansiedade com passar frio do começo ao fim da viagem de avião e imunidade baixa e resultado: fiquei doente no segundo dia.

E não foi uma gripe leve de doer o corpo, não. Foi uma infecção de garganta braba, com febre alta e sem conseguir levantar da cama.

Era uma viagem em família, e como eu estava sem condições para nada, meus pais ligaram para o seguro viagem que havíamos contratado para saber o que fazer. Em questão de minutos, um médico apareceu no nosso quarto de hotel pronto para me examinar.

Em uma mistura de inglês e francês (que o meu pai fala), ele confirmou o que eu suspeitava: era uma amigdalite forte, que precisava de antibiótico e muito repouso. Fiquei arrasada, e só saí do hotel de novo para conhecer uma parte pequena do Louvre.

A parte boa é que me recuperei completamente para o próximo país, e até consegui visitar os estúdios do Harry Potter em Londres!

Depois disso, o seguro viagem passou a ser uma parte fundamental do meu planejamento. Sejam 7 ou 120 dias, eu sempre contrato um com bom valor de cobertura e que tenha convênio com vários hospitais ou clínicas no meu destino.

Sei que muitas pessoas consideram esse item opcional, consideram só desembolsar dinheiro se alguma emergência surgir ou nem pensam no assunto. Mas na minha opinião isso é um grande erro.

Em alguns países, como os Estados Unidos, uma ida ao hospital pode resultar em uma conta de mais de US$1000. Se for um caso mais sério, como quebrar algum osso ou precisar de cirurgia, pode aumentar esse valor para a casa dos US$100.000 (!!). Imagina ter que pagar isso tudo de surpresa só porque você pisou em falso e caiu naquela trilha?

Além de emergências médicas, o seguro viagem cobre outras situações como extravio de mala e alterações de vôo.

Imagina ficar doente no meio da viagem dos seus sonhos? Foi o que aconteceu comigo em Paris! Clique no link e descubra tudo sobre o seguro viagem, que pode te salvar nessas horas!
Primeiro (e praticamente único) dia em Paris!

O que precisa saber antes de contratar um seguro viagem

  • Se você já tem um seguro: Alguns cartões, como Mastercard e Visa Platinum oferecem um seguro de “brinde” para quem compra as passagens com cartão. Se for viajar em família, é bom observar que o seguro cobre apenas o titular do cartão, cônjuge e filhos do titular com menos de 23 anos, mesmo que tenham sido emitidas passagens no cartão para outros familiares ou amigos.
  • Valor de cobertura para despesas médicas: Aqui no Brasil parece um absurdo contratar uma cobertura de US$100.000 para 15 dias de viagem. Mas como já citei, existem países que um atendimento médico de emergência pode custar muito mais que isso. Verifique qual o preço médio dos seus destinos e escolha um valor de cobertura adequado. Apesar das outras comodidades serem interessantes, a parte de saúde deve ser a sua principal preocupação.
  • O que está coberto (e o que não está): Cobertura odontológica, de doenças pré-existentes, acidentes por prática de esportes radicais, remédios.. As opções são infinitas, e é sempre melhor prevenir do que remediar. Se você planeja fazer aquele Bungy Jumping na Nova Zelândia ou algo mais radical é bom escolher um seguro que vá cobrir acidentes nesses casos. Vai com uma cia. aérea com fama de atrasar ou cancelar vôos? Talvez um seguro que te de assistência nessas horas seja a a melhor opção. Defina o perfil da sua viagem e escolha um seguro viagem que possa cobrir todas as eventualidades.
  • Carência: É possível que você não possa utilizar o seguro por 2 dias ou até uma semana após o contrato, chamado período de carência. Não deixe para contratar em cima da hora, pois em alguma emergência você pode acabar sem seguro, por considerarem que você já estava doente antes de pagar pelo serviço.

Qual seguro viagem escolher?

Eu poderia citar aqui diversas marcas, falar o que cada uma cobre e..ZzZ Já me deu sono só de pensar!

Resolvi escrever sobre algumas experiências reais que eu e minha família tivemos desde 2013. Foram usados os seguros: Travel Ace Assistance, ISIS Brasil, Seguro Mastercard Brasil e Vital Card. A ordem é apenas cronológica, não tem relação a qual eu recomendo.

Para garantir o melhor preço, eu recomendo dar uma olhada na Real Seguro Viagem. Você informa suas datas e destino, e recebe uma comparação de preço e cobertura de vários seguros, inclusive os indicados aqui no post!

Quer comparar o preço e cobertura dos melhores seguros, além de ter assistência com uma equipe especializada? Considere contratar a Real Seguros Viagem! Clique no link para acessar: http://alyssaprado.com/link/real-seguros/

Travel Ace Assistance

Foi o salvador na França, que mandou um médico super rápido para me atender. Na época não pedimos reembolso dos medicamentos porque foi muito barato, coisa de €5, e achamos que não valia a pena o incômodo.

Utilizamos novamente para uma viagem aos Estados Unidos em 2016 e novamente fomos muito bem atendidos, encaminhados para uma clínica e não pagamos nada. Como o meu pai acionou o seguro, ele não conseguiu renovar para a mesma viagem.O preço é ótimo, começando em R$170 com US$12.000 de cobertura, e indo até R$940 por US$1 milhão para 15 dias nos Estados Unidos.

Vai viajar para fora e ainda não escolheu o seu seguro viagem? Então confira nesse post experiências reais e dicas para te ajudar a escolher o ideal! Clica no link!
Aproveitando o restante da viagem em Londres, depois de acabar os antibióticos receitados pelo médico do seguro em Paris.

ISIS Brasil (Atual Easy Seguros)

Escolhi esse seguro para os meus dois intercâmbios, tanto para a Austrália quanto para a Disney. No primeiro não fiz uso, mas no segundo estava suspeitando de uma amigdalite (de novo!) e liguei para eles para descobrir como proceder.Me falaram para ir para uma clínica, mas ao chegar lá eles não tinham mandado nenhum documento meu. Precisei esperar duas horas e ligar várias vezes até que eles mandassem por fax os meus dados e aí sim fui atendida, sem pagar nada.

Fui fazer uma cotação no site e descobri que o nome agora é Easy Seguro Viagem, não mais ISIS. A cotação para uma viagem aos EUA por 15 dias tem preço mínimo de R$398 com US$50.000 de cobertura.

Mastercard Platinum

Também foi escolhido para uma viagem para os Estados Unidos, apesar do valor da cobertura ser inferior às outras. Meu pai usou para uma consulta de emergência em uma clínica indicada por eles, mas eles nunca mandaram os documentos. A própria clínica foi atrás da representante do seguro no país, conseguiu um ok e meu pai conseguiu ser atendido.

Meses depois ele recebeu uma cobrança de US$350 da clínica afirmando que o seguro nunca tinha pago a consulta. Depois de reclamar com a Mastercard, ele precisou enviar diversos documentos comprovando que ele comprou as passagens no cartão. Até hoje ele ainda não conseguiu o reembolso desse valor. Atualmente eu não recomendo, mas se a situação mudar edito o post.

Vale lembrar que o valor de cobertura desse seguro é inferior aos outros, mas que ele sai “de graça” caso você compre as passagens, um grande benefício.

Vital Card

Também foi meu pai que acionou esse, mas dessa vez para uma emergência odontológica. O serviço foi super prestativo, e eles mesmos marcaram uma consulta para o meu pai baseado na localização dele na hora. Como ele não podia ser atendido na data marcada, eles marcaram em outro lugar no mesmo dia.

Uma semana depois eles ligaram para perguntar como tinha sido o atendimento e se o problema havia sido resolvido. Achei o serviço excelente e recomendo, além de ter um preço bem competitivo. 15 dias nos Estados Unidos sai entre R$188 com US$10.000 de cobertura até R$1036 com US$1 milhão.

 

 

Se você ainda não se convenceu a contratar um seguro, recomendo uma lida no post do blog Foco do Mundo – Seguro Viagem é realmente Necessário?

Quem já teve alguma experiência que precisou acionar o seguro? Conta como foi nos comentários!

Planeje a sua viagem com os parceiros do blog!

Compare o preço das passagens aéreas com o Voopter, ou veja as melhores ofertas na Submarino Viagens.

Reserve seu hotel através do Booking.com e garanta o menor preço.

Encontre a melhor oferta para o seu seguro viagem com a Seguros Promo, ou faça uma cotação com a World Nomads para turismo de aventura.

Reserve seu carro com as melhores locadoras e pague em até 12x sem juros com a Rentcars.

Este post tem 2 comentários

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Receba grátis
DICAS E OFERTAS DE VIAGEM
Faça parte da lista de e-mails do blog e receba descontos exclusivos e os nossos melhores posts diretamente na sua caixa de entrada!
EU QUERO!
close-link
QUASE LÁ...
Informe seu nome e e-mail para fazer parte da lista e receber o PDF grátis!
ME INSCREVER!
close-link
QUASE LÁ...
Informe seu nome e e-mail para fazer parte da lista e receber o PDF grátis!
ME INSCREVER!
close-link
QUASE LÁ...
Informe seu nome e e-mail para fazer parte da lista e receber o PDF grátis!
ME INSCREVER!
close-link
QUASE LÁ...
Informe seu nome e e-mail para fazer parte da lista e receber o PDF grátis!
ME INSCREVER!
close-link