Como planejar uma viagem para Los Angeles – 10 dicas essenciais

Aprenda a planejar uma viagem para Los Angeles nesse post! Dicas de como encontrar passagens aéreas baratas, documentação, quanto tempo ficar, onde se hospedar, melhores atrações e muito mais!

Depois de escrever tanto sobre Los Angeles no blog, não é surpresa para ninguém que esse é um dos meus destinos favoritos. A combinação entre cidade grande e proximidade da praia é uma das minhas favoritas, e é fácil entender porque tantas pessoas sonham em conhecer a cidade das estrelas.

Também não é segredo que a minha primeira visita a região foi sem nenhum tipo de planejamento. Reservei um hotel próximo a Calçada da Fama, por ser praticamente o único ponto turístico que eu conhecia, e achei que era o suficiente. Assumi que o transporte público era bom, que as atrações eram perto uma da outra, que seria calor por ser na Califórnia, e assim peguei o avião com algumas amigas.

Não demorou muito para descobrir que eu estava errada sobre praticamente tudo. Ok, admito que minha hospedagem não ficava em um lugar ruim, mas também poderia ter sido melhor.

Para que você não cometa os mesmos erros, resolvi escrever esse post sobre como planejar uma viagem para Los Angeles. Nele vou falar sobre tudo que você precisa saber, desde a melhor época para visitar a cidade, documentação, onde ficar, transporte e melhores passeios.

Como planejar uma viagem para Los Angeles

Quanto tempo ficar

O tempo mínimo para conhecer as principais atrações da cidade são quatro dias. Dois deles para conhecer as praias, como Santa Monica, Venice e a sequência entre Manhattan, Hermosa e Redondo Beach. Em Los Angeles propriamente dita, dois é possível conhecer a Calçada da Fama e arredores, o Griffith Observatory, Beverly Hills e Downtown em outros dois dias.

Se sua intenção for fazer compras, o ideal é adicionar mais um dia para ir até algum dos outlets. Parques temáticos como Disneyland e Universal Studios também precisam de um dia cada, pelo menos.

Moeda

A moeda utilizada em Los Angeles é o dólar americano, e o ideal é trocar o real nas casas de câmbio ainda no Brasil. Como o dólar é uma moeda forte, a cotação será mais vantajosa por aqui.

Você também pode levar um cartão de crédito, com o qual estará sujeito a taxa do IOF e as variações do câmbio até o dia do pagamento da fatura, ou um cartão de débito pré-pago. Falei sobre como levar dinheiro em viagens, e todas as vantagens e desvantagens de cada método nesse post.

Quando ir

Como é de esperar de uma cidade da Califórnia, as temperaturas de Los Angeles estão mais para quentes durante o ano inteiro. No verão, é fácil os termômetros marcarem mais de 30ºC, enquanto no inverno a temperatura durante o dia é em torno dos 20ºC.

Apesar de não fazer muito frio ou nevar, é importante ressaltar que as noites durante o período de novembro a março costumam ser mais amenas, com a mínima em torno dos 8ºC. Se for fazer uma visita nessa época, o ideal é vestir camadas para se agasalhar no final do dia.

Vale lembrar que o verão é o período de alta temporada, quando os preços estão mais caros e a cidade mais cheia. Alguns eventos famosos, como o Oscar, também podem influenciar nesse aspecto.

Aprenda a planejar uma viagem para Los Angeles nesse post! Dicas de quando ir, quanto tempo ficar, documentação, onde se hospedar, melhores atrações e muito mais!
Aproveitando o Santa Monica Pier em fevereiro, final do inverno. De dia estava agradável mas eu e minhas amigas passamos muito frio de noite esperando o ônibus, rs.

Documentação

O primeiro passo para planejar uma viagem para Los Angeles é cuidar da documentação. É preciso um passaporte válido durante o período da sua estadia e um visto americano.

Para tirar o passaporte, é preciso preencher a requisição no site da polícia federal. Depois de informar seus dados e pagar a guia, é só agendar um horário para entregar seus documentos e tirar sua foto e digitais. O custo é de R$257,25 e prazo para entrega é de seis dias úteis.

Como o Brasil faz parte do six months club, um acordo dos Estados Unidos com alguns países, não é preciso que seu passaporte seja válido por mais seis meses a partir do embarque, como acontece com outros destinos. O importante é que ele esteja dentro da validade durante o seu período de estadia nos EUA.

Já o visto deve ser requerido junto a embaixada americana. A categoria para turismo é a B2, e costuma ser a principal opção de quem vai vistar o país para turistar. Para iniciar o processo, é preciso preencher o formulário DS-160 e pagar uma taxa de US$160. Em seguida, é preciso agendar uma visita ao CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante do Visto), onde vão tirar sua foto e impressões digitais, e então uma entrevista no consulado. Todas as informações sobre o visto estão disponíveis em português no site da embaixada.

Atualmente os Estados Unidos não exigem nenhuma vacina de visitantes brasileiros. Se você for fazer escalas em países como Panamá ou Colômbia, no entanto, recomendo tomar a vacina contra febre amarela. Apesar dela não ser necessária para quem vai apenas fazer conexão, pode ocorrer alguma emergência como atraso ou cancelamento do voo, e com ela você pode passar pela imigração e ir descansar em um hotel.

Passagens Aéreas

O principal aeroporto da região é o Los Angeles International Airport (LAX), e atualmente apenas a American Airlines faz voos direto do Brasil, saindo de Guarulhos (GRU).

Voar para cidades próximas para economizar, como San Diego ou San Francisco, não costuma ser uma alternativa, já que não existem voos diretos para esses lugares. Se quiser gastar menos com passagens, é possível optar por rotas que param no Panamá ou na Colômbia, respectivamente pelas companhias Copa Airlines e Avianca.

Para encontrar os melhores preços de passagens, eu gosto de usar o site Passagens Promo. Além de oferecer descontos de até 25% nas principais cias, a empresa também parcela em até 10x no cartão e tem atendimento por Whatsapp que funciona todos os dias.

Hospedagem

Uma das partes mais difíceis de planejar uma viagem para Los Angeles é escolher onde se hospedar. A principal dica é saber o que você espera do seu tempo na cidade.

Se for curtir a vibe californiana, a melhor opção é ficar em Santa Monica ou Venice Beach, a poucos minutos da praia. Ambos os locais possuem lojas, restaurantes e passeios ao ar livre, perfeitos para quem quer fugir um pouco da atmosfera de metrópole. Para quem tem orçamento, o Fairmont Miramar Hotel é escolha certeira.

Para ficar perto dos principais pontos turísticos, o ideal é se hospedar em Hollywood, perto da Calçada da Fama. A maior parte dos hotéis fica a poucos minutos a pé da rua com estrelas, teatro chinês, museu de cera e outros atrativos da região. De lá é possível pegar um ônibus para Beverly Hills e o metrô para downtown, Universal Studios ou até Santa Monica. Uma das hospedagens mais conhecidas na região é o The Hollywood Roosevelt.

Tem um post aqui no blog onde expliquei com detalhes sobre os bairros para se hospedar em Los Angeles e dei dicas dos melhores hotéis.

Descubra como planejar uma viagem para Los Angeles! Dicas de hospedagem, passagens aéreas, transporte, quanto tempo ficar na cidade, documentação e muito mais!
Casa no Airbnb que alugamos em uma das viagens, a poucas ruas de Hollywood!

Seguro Viagem

Não é obrigatório contratar um seguro viagem para viajar para Los Angeles, mas eu sempre recomendo, especialmente para leitores que vão visitar os Estados Unidos. Atendimento na área de saúde é muito caro no país, e uma simples visita a uma clínica para tratar uma infecção de garganta, por exemplo, pode custar centenas de dólares.

Com um seguro viagem você fica protegido em qualquer emergência, e eles acertam todos os detalhes com o hospital ou clínica antes mesmo de você chegar lá. A maioria deles também cuida da parte financeira antes mesmo de você chegar lá, e não é preciso que pagar um centavo do próprio bolso para só depois ser reembolsado. Esse tipo de seguro também te protege em situações como atraso ou cancelamento de voos, ou extravio de bagagem.

Normalmente eu compro com a Seguros Promo, que compara os preços das principais seguradoras do mercado. Além dos valores excelentes, a empresa também oferece a possibilidade de parcelar pagando no cartão de crédito, e atendimento especializado. Você ainda ganha um desconto se usar o código “ALYSSAPRADO5″.

Transporte

A melhor forma de se locomover por Los Angeles é alugar um carro. Como a cidade é muito grande horizontalmente, os pontos turísticos ficam afastados um dos outros, e ter um veículo próprio vai te poupar minutos preciosos para não esperar o ônibus ou metrô.

Optar por dirigir também é a melhor opção se você pretende fazer compras, já que os outlets próximos não ficam na cidade e são de difícil acesso usando transporte público (na verdade eu nem consegui descobrir como chegar neles sem carro).

Eu gosto de alugar com a Rentcars, que oferece descontos de até 60% nas principais locadoras do mundo. Para Los Angeles, consegui encontrar carros econômicos por menos de R$180 por dia. O site ainda permite que você pague em reais, sem a cobrança do IOF e parcelado.

Se um carro estiver fora do seu orçamento, ou você não quiser dirigir ou não tiver carteira, não tem problema. Apesar de demorar mais tempo, é completamente possível conhecer a cidade das estrelas utilizando transporte público ou apps como Uber e Lyft. Dei todas as dicas nesse post sobre Los Angeles sem carro.

Principas atrações

Por misturar cidade com praia, Los Angeles tem passeios para todos os tipos de viajantes, desde aqueles que gostam de natureza até aqueles que preferem a cidade grande.

Alguns dos pontos turísticos mais famosos são:

O legal é que, apesar de ser uma viagem cara, as principais atrações são gratuitas ou bem baratas. Escrevi sobre as minhas favoritas nesse post de 10 Passeios Grátis para fazer em Los Angeles.

Outros passeios legais são visitar as praias de Manhattan, Hermosa e Redondo Beach; passar o dia em Long Beach; Malibu e visitar Newport e Laguna Beach. Também tem um post com roteiro completo para até 7 dias na cidade.

Aprenda como planejar uma viagem para Los Angeles nesse post! Dicas de hospedagem, transporte, como encontrar passagens aéreas baratas, quando ir, documentação e mais!
O Santa Monica Pier é um dos principais pontos turísticos da região!

Compras

Os Estados Unidos são o paraíso das compras, e é fácil encontrar ótimos preços para eletrônicos, roupas e outros itens. Já escrevi aqui no blog um guia sobre as melhores lojas do país, recomendo a leitura!

Infelizmente, diferente de Orlando e Miami, Los Angeles não possui tantos shoppings de desconto ou promoções malucas para turistas. Os melhores outlets da região ficam afastados do centro, e são difíceis de chegar sem um carro. São eles:

  • Citadel Outlets;
  • Camarillo Premium Outlets;

O segundo é da mesma empresa dos conhecidos da Flórida, enquanto o primeiro oferece algumas lojas diferentes. Se você vai com a intenção de fazer compras e não estiver de carro, sugiro contratar o tour para o Citadel oferecido pela WePlann, que além de transporte também oferece cupons de desconto.

As lojas tradicionais podem ser encontradas shoppings como o The Grove (que tem um farmers market com restaurante brasileiro delicioso), Beverly Center e o Westfield Century City, ou na Third Street Promenade em Santa Monica.

Para compras de luxo, a melhor região é a Rodeo Dr. em Beverly Hills, com lojas como Chanel, Louis Vuitton e Dior.

 

E pronto, agora você já pode começar a planejar uma viagem para Los Angeles! Não esqueça de procurar com antecedência onde estão as estrelas dos seus artistas favoritos na Calçada da Fama!

Ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário ou leia os outros posts sobre a cidade aqui no blog! :)

Gostou desse post? Salve no Pinterest para ler depois!

Quer planejar uma viagem para Los Angeles e não sabe por onde começar? Então aprenda com esse post qual a melhor época para visitar a cidade das estrelas, quantos dias são necessários, como economizar nas passagens aéreas, os melhores bairros para se hospedar, atrações populares e muito mais!

Alguns links nesse post são afiliados.

Deixe uma resposta

Fechar Menu